One-Punch Man

Conheça a história de Saitama, o super-herói que aniquila seus inimigos com apenas um soco

Eis um mangá que ficou particularmente famoso antes de ser um mangá!

A história do super-herói que aniquila seus inimigos com apenas um soco começou na webcomic em 2009, com tirinhas rápidas, até ganhar sua adaptação para mangá e anime anos depois. Aqui no Brasil é publicado pela Panini e originalmente lançado pela Shueisha no Japão.

Criado pelo mangaka One, somente conhecido pelo seu pseudônimo, Saitama é um ser humano normal que se encontra decepcionado com a vida, deprimido e sem um objetivo. Um dia nosso protagonista dá de cara com um monstro caranguejo que está atrás de um menino com uma covinha no queixo. O mostro, a princípio, poupa Saitama, pois o rapaz está tão para baixo que não há motivo de sequer matá-lo. Momentos depois a monstruosidade em forma de caranguejo encontra quem procurava, Saitama não consegue ver o menino indefeso morrer de forma tão injusta e grotesca e então parte para uma luta contra o vilão. Após uma dura luta, Saitama sai vitorioso e naquele momento decide virar super-herói por profissão. Três anos de um treinamento comum, porém duro, se passam e, por algum motivo misterioso, o nosso protagonista ficou careca e com apenas um soco consegue derrotar qualquer um que atravesse seu caminho.

Capa do primerio volume.

One-punch man é um mangá regado de muito humor, piadas e paródias. Contudo, carrega uma mensagem reflexiva muito interessante: um super-herói que está à procura de um desafio supremo pois se tornou forte demais para qualquer um. Seguindo essa premissa, o universo se desenvolve ao redor de um mundo que é habitado por seres humanos, monstruosidades e uma associação de super-heróis que ajuda a defender a raça humana de diferentes perigos e calamidades. No meio dessa salada toda está Saitama, que vive se questionando em relação a sua posição e seu papel de herói nessa trama.

Essa obra oferece ação, humor e reflexão. A arte feita por Yusuke Murata é simplesmente de cair o queixo com covinha! As cenas de ação são muito bem feitas e dão uma sensação de movimento espetacular. Os vilões são criativos e ao mesmo tempo dão vontade de você tirar sarro, assim como os vários super-heróis. A trama não deixa a peteca cair por mais que tenha um super-herói “invencível”. Sempre há algo novo e inesperado que vai te prender a atenção e deixar curioso para saber o que vai acontecer no próximo volume. Um mangá para todos aqueles que estão procurando um prato cheio de ação e comédia!

Deixe uma resposta